segunda-feira, 27 de abril de 2009


Foz do Arelho

É uma freguesia do concelho de Caldas da Rainha, com cerca de 1300 habitantes É conhecida como destino de férias pois têm praias e uma lagoa lindíssima ,e onde o povo é hospitaleiro e ordeiro, com uma gastronomia rica e vasta , e quem lá vai sente sempre saudades de lá voltar

SACAVEM
É uma freguesia do concelho de Loures situada a norte de Lisboa com cerca de 18000 habitantes, povoação antiquíssima, julga-se que a origem do nome Sacavém venha do termo árabe šâqabî, significando «próximo» ou «vizinho» Sacavém esteve presente em inúmeros momentos da História de Portugal. Hoje é uma cidade moderna com boas infra-estruturas onde dá gosto viver.

sexta-feira, 24 de abril de 2009

35 ANOS DEPOIS


Com este pequeno texto compilado da Associação 25 Abril quero prestar a minha homenagem a todos os Oficiais,Sargentos e Praças do Batalhão de Caçadores Nº 5 que contribuíram para este dia.
J.Cordeiro (ex furriel miliciano da 1ª Comp. Operacional)

BATALHÃO DE CAÇADORES N.º 5
FITA DO TEMPO (24/25), DO B. CAÇ. 5 9.30 h. - Recepção de ordem. 10.00 h. - Reuniões com os Capitães; Remodelação dos Planos; Preparação de acção e seus preliminares; Escolha de Cmdt da 2." Companhia. 10.30 h. - Início dos contactos com os Oficiais Milicianos escolhidos e a escolher (abordagem e preparação prévia). 14.00 h. - Formatura das Companhias Operacionais a pretexto de proximidade 1.° de Maio; Marcação de uma reunião de Oficiais para as 23 h. (elementos contactados e conhecimento da finalidade). 17.00 h. - Medidas de decepção. Saídas normais, etc. 22.55 h. - Audição dos Emissores Associados. Comunicação: Faltam 5 min. para as 23 h. e disco «Depois do Adeus» do P. Carvalho. 23.00 h. - Sala dos Oficiais; Reuniões dos Oficiais convocados e outros presentes na Unidade para informá-los. Breve a detenção de não aderentes, Preparação e ordem. 00.00 h. - Início da audição de R. Renascença. Aguardar o -Grândola. 01.00 h. - Oficial e Guarda para a Central Telefónica (Alf. FRAZAO); Fechar portões, eliminar central; Guardar outros telefones gabinetes; Substituição Oficial-de-Dia pelo Alt. BAPTlSTA com missões definidas; Ouvir R. C. P. 01.30 h. - Convocação Sargentos (de dia e de na unidade). Informá-los. Breves detenções; Vigilância proximidades quartéis. 01.45 h. - Formar Companhias. levantar o pessoal das camas sem luzes e sem barulho; Formatura desconfiada da Polícia Aérea; Armas e munições; Rádios. Maqueiros, etc. 02.00 h. - Vigilância da Penitenciária. 02.30 h. - Reforço do Portão M. Fronteira. 02.50 h. - Início de marcha apeada das 1." e 2." Companhias Operacionais; Concentração de viaturas para apoio de acção; Reforço da segurança do quartel; Destacamentos para o exterior. 03.00 h. - Redes Rádios no ar. 03.05 h. - Saída para os objectivos; Convocação do pessoal no exterior; Reforço das forças no exterior com a chegada de novo pessoal; Preparar Remuniciamento e Abastecimento. 03.20 h. - Completamento do cerco na área dos estúdios R.C.P. Intercepção do trânsito e movimentos na área. 03.30 h. - Completamento do cerco ao O. G. da R. M. L. e Início de parlamentação. 04.00 h. - Saída duma força para a Residência General Spínola. 04.30 h. - Entrada e ocupação do O.G.R.M.L.

terça-feira, 21 de abril de 2009

PEIXES


Anchova
Este formidável peixe sofreu nestes últimos anos um aumento populacional ao largo da nossa costa devido principalmente ás correntes quentes do golfo o que por sua vez aumentou consideravelmente as capturas do mesmo ,peixe notoriamente voraz e predador é ao mesmo tempo muito valente, e quando vai à caça tudo o que lhe passe ao alcance de sua boca, é atacado, sendo por isso pescado tanto por iscos naturais como artificiais , devido á sua valentia é um peixe que proporciona largos momentos de prazer e deleite.Devido á sua forte dentição é aconselhável o uso de terminais em aço para não acontecer ruturas

domingo, 19 de abril de 2009

BÓIA


O meu local


Mesmo fazendo outros tipos de pesca aquele que eu mais gosto é à bóia, e quando vou não consigo deixar de pensar se o vou conseguir ou não. Normalmente começo na Foz do Arelho e corro todo o litoral até Salir digamos que são cerca de 9 a 12 km. Registo todos os sítios que considero importantes que ao longo dos anos fui conhecendo os melhores locais e os fundos mas mesmo assim as coisas vão-se alterando e por isso há a necessidade de uma constante observação e análise tanto dos pesqueiros como do estado do mar, a pesca à bóia naquela região proporciona ainda hoje pescarias muito boas, sargos, robalos, bailas, tainhas , salemas, carapaus, cavalas, e algumas douradas são algumas das espécies mais frequentes naquela zona ,a escolha do pesqueiro deve ter sempre em consideração o comportamento das águas e o vento , o local de pesca deve ter águas agitadas bem oxigenadas e com corrente. Pescar à bóia é sempre uma enorme emoção e quando a vimos afundar e sentimos o vergar da cana e o canto de desembraiar do carreto com o peixe a puxar o fio para o fundo, parecendo nunca mais parar é um desfilar de emoções. Apanhar um grande peixe é sonho de qualquer pescador que se inicie nesta modalidade de pesca ,mas tenham sempre presente a segurança pois nem sempre um bom exemplar paga uma vida

sábado, 18 de abril de 2009

PEIXES


PAMPO


Este peixe mais conhecido pelos pescadores por peixe porco deve este nome ao rouco que fazem quando saiem da agua, só passou a ter valor comercial há uns anos a esta parte pois os seus filetes são muito apreciados,têm um apetite voraz e são muito curiosos sendo por isso faceis de pescar atacando qualquer isco ,ao pescar deve ter-se o cuidado com os seus dentes sendo por isso aconselhavel o uso de anzois de haste comprida para o fio não ser cortado

PEIXES


CAVALA


Este peixe é um feroz predador atacando todos os iscos,peixe veloz e lutador faz as delicias de qualquer amante da pesca,movimenta-se junto á costa em grandes cardumes e é fácil pescar sendo por isso o peixe ideal para qualquer iniciado na pesca

PEIXES


BOGA


É um peixe gregário movendo-se á superficie em grandes cardumes,têm uma alimentação mista (herbivora e carnivora) e é fácil de pescar pois acaba por ser uma autentica dôr de cabeça para o pescador quando entra no pesqueiro,quando pescada borra-se deixando um cheiro nauseabundo que faz que seja mandada novamente para a agua para não estar junto com os outros peixes,peixe sem valor economico não sendo por isso muito apreciada

segunda-feira, 13 de abril de 2009

PESCA Á BOMBA


ISTO SIM É CRIME
Penas de prisão e multas pesadas já


A Pescadores revelaram-se indignados com o comportamento criminoso de indivíduos que praticam a pesca ilegal, com o recurso a bombas, destruindo a fauna marítima, desde o pequeno ao grande peixe. Esta revolta tem a ver com a situação ocorrida no início desta semana, nos mares do Campanário, onde os próprios elementos da Guarda Nacional Republicana, numa acção de fiscalização marítima, foram ameaçados com o arremesso de uma das bombas que explodiu a uma distância de 25 metros da embarcação. Uma situação que indicia um interesse para intimidar a tripulação e afastá-la do local a fim de, eventualmente os indivíduos procederem à recolha imediata das redes que se encontravam lançadas na água, as quais só foram detectadas na manhã do dia seguinte pela GNR. Na véspera, os militares da GNR tentaram ainda identificar o ou os suspeitos após o lançamento dos explosivos, mas esses esforços tornaram-se infrutíferos pois o dia já estava a escurecer. Com efeito, as diligências desencadeadas na manhã do dia seguinte resultaram na apreensão de redes ilegais que foram encontradas naquelas imediações, assim como cerca de 50 quilos de peixe, facto que revelaria a prática da conhecida “pesca à bomba”, junto do Ilhéu do Campanário.Na opinião de um dos pescadores amadores que pratica esta actividade dentro das normas legais, “esses indivíduos merecem ter uma pena pesada de forma a servir de exemplo para situações do género”. A GNR elaborou os autos para envio ao Tribunal e continua o processo de averiguações.
Fonte Jornal da Madeira

domingo, 12 de abril de 2009

LEI DA PESCA


Restrições reduzidas :


O Governo prometeu fazer, ainda este mês, alterações à polémica Portaria 143 – que impõe restrições à pesca no Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina (PNSACV). A promessa foi feita ao movimento de pescadores lúdicos, que contesta as restrições impostas.
Nove elementos do movimento foram recebidos, no dia 1, pelo secretário de Estado do Ambiente, Humberto Rosa, em Lisboa. O governante mostrou abertura para "rever alguns dos pontos mais contestados que são da sua área de competências", referiu ao CM Adelino Soares, um dos participantes na reunião. Um desses pontos diz respeito à proibição de pescar de segunda a quarta-feira. O Governo deverá optar por interditar a pesca apenas um dia.
Outra restrição que deverá cair é a proibição de uso de engodo (pasta de sardinha que serve para atrair o peixe), medida que está em vigor para todo o País. Além disso, a quantidade de pescado permitida (7,5 kg) poderá ser aumentada, passando a não contar o peso do exemplar maior.
Os pescadores também estão contra o período de defeso, nomeadamente a interdição da pesca ao sargo, entre 1 de Janeiro e 31 de Março, mas em relação a esta matéria não houve nenhum compromisso claro de alteração da Portaria por parte do governante.


Fonte Correio da manhã

AUTORIDADE MARITIMA NACIONAL

“Pesca lúdica segura” O Comando da Polícia Marítima está a desenvolver uma campanha de sensibilização e alerta para os perigos da pes...