domingo, 17 de março de 2013

MAIS DO MESMO

Aproveitando o dia de folga e o mar a permitir lá fui na esperança que fosse desta que o peixe desse o ar da sua graça

Depois de escolher o pesqueiro que nos pareceu ter as condições ideais para dar uns peixes e assim mudar um pouco a nossa sina,logo constatamos que o unico peixe que nos ia brindar seriam as nossas amigas tainhas e salemas pois de sargos nem o cheiro,mas como a ideia tambem era aproveitar a folga para recarregar baterias acabámos por treinar um pouco e a a passar umas horas divertidas

Sem comentários:

Enviar um comentário

OS PARGOS ADORARAM

Uma isca de excelência para um peixe de excelência ,os pargos chamaram-lhe um pitéu