segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Golpes de Mão

Com o ano quase a terminar neste momento preocupamos-nos mais com a nossa segurança pois devido ao período que atravessamos as nossas coutadas devido ao piso ser de barro não oferecem total segurança obrigando a procurar pesqueiros mais para sul mas isso não invalida que sempre se vá fazendo uns peixes em zonas até aqui desconhecidas para nós.
Tenho procurado acompanhar o Fernando Enxuto nalgumas pescarias onde os resultados tem sido óptimos mais para ele do que para mim,mas como se costuma dizer um bom jogador joga em qualquer campo e ele seja onde for vai deixando rasto.
Aqui se deixa algumas fotos como recordação,os locais claro que são respeitados para que não digam que lhes vamos assaltar as coutadas o local mais a sul até agora foi o Cabo da Roca ꘠





segunda-feira, 7 de novembro de 2016

ATÉ QUANDO



Pescadores. Leiam e partilhem! Chegou a nossa hora... Vai começar...
Caros amigos pescadores, à semelhança do que aconteceu em Espanha, preparam-se novos desafios para nós pescadores. Em suma, para os mais desatentas ou desinformados, o que se passa é que UM PODER, composto por alguns iluminados fundamentalistas, querem decidir que devemos matar ao pescar todo e qualquer peixe dito invasor.
Vejamos então o que querem que seja lei em Portugal. Decerto haverá pessoas mais capacitadas do que eu para o fazer ou descrever. Falarei apenas do que sei, sem qualquer presunção. Mas tudo isto me assusta. Carpas e Achigãs em regime de PESCA E MATA. Precisamente o contrário de tudo aquilo que a maioria dos pescadores aprendeu durante anos de dedicação ao que mais gostamos fazer. Exemplos que damos aos mais novos e incentivam à alteração do comportamento dos mais velhos.
Vejamos a Carpa, considerada como espécie invasora, introduzida em Portugal em meados do Séc. XVI, trazida do Oriente nas Caravelas. Vieram para povoar e purificar lagos e albufeiras do jardins de Sua Majestade e que foram introduzidas nas águas públicas e particulares para destruírem colónias de insectos e limparem as águas.
Foi introduzida pelo próprio Estado em todas as barragens. O mesmo Estado que agora poderá querer ver mortas estas espécies secular.
Algo está errado e da minha parte estarei na luta pelos meus direitos. CONTEM COMIGO PARA LUTAR contra aquilo que chamo ESTUPIDEZ, e falta de senso.


POR SOLIDARIEDADE RESOLVI DAR A CONHECER ESTE TEXTO DE UM COMPANHEIRO NOSSO POIS A LUTA DELE É A NOSSA TAMBÉM. 

OS PARGOS ADORARAM

Uma isca de excelência para um peixe de excelência ,os pargos chamaram-lhe um pitéu